Com modelo inclusivo e democrático de gestão, a Secretaria de Cultura e Juventude de São Bernardo do Campo reafirmou o compromisso com a população e manteve-se com esta nomenclatura a partir do dia 20 de abril de 2018. Desde então, democratiza e valoriza as ações culturais, estimulando a apropriação dos espaços e a formação de público para o pleno exercício da cidadania.

Assim constitui campo funcional da Secretaria de Cultura e Juventude:

I - a formulação, o desenvolvimento, a supervisão e a execução da política municipal para a área cultural;
II - a promoção da ação e da produção artística e cultural no Município;
III - o incentivo da criação e da formação de público, proporcionando a difusão de produtos e valores culturais;
IV - o incentivo da leitura e do acesso à informação;
V - a preservação da memória coletiva, em articulação com os órgãos colegiados a ela vinculados, bem como os demais órgãos públicos e privados envolvidos; e
VI - a administração e a execução dos programas de circulação do acervo documentário e de difusão cultural;
VII - o desenvolvimento e o aperfeiçoamento do programa de políticas públicas para a juventude - "Juventude Cidadã"; e
VIII - o desenvolvimento e o cumprimento das políticas públicas de prevenção primária, desenvolvimento e integração social da juventude.

 

Missão
Universalizar o acesso à cultura, incentivando a inserção de crianças, jovens e adultos nas ações culturais e no universo das artes, além de descentralizar, ampliar e diversificar as atividades nas suas diferentes linguagens.

 

Visão
Garantir a execução de políticas públicas a toda população, incentivar o empreendedorismo cultural, continuar a valorizar quem ajudou a construir a história da nossa cidade e a recuperação dos espaços públicos degradados, tornando-os polos multiculturais.

 

Valores
Compromisso, diversidade, empoderamento, difusão, participação, preservação, fomento, inovação, incentivo.

 

 

A cultura é o que identifica um povo com a sua finalidade”. Agustina Bessa-Luís.